Bolsa de Investigação para Mestre (m/f) (25-07-16)


 Powered by Max Banner Ads 

CIBIO – InBIO


Encontra­-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Investigação Mestre (Referência ICETA 2016-70) no âmbito do projecto “To be or not to be diseased: the effects of microbiome on parasitic infections in farmed seabream and seabass”, PTDC/MAR-BIO/0902/2014, financiado por fundos nacionais através da FCT/MCTES (PIDDAC) e co­financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do COMPETE – Programa Operacional Factores de Competitividade (POFC). O trabalho realizar-­se-­á no grupo Ecology and Evolution of Aquatic Organisms (AGE) do CIBIO ­ Centro de Biodiversidade e Recursos Genéticos, da Instituição ICETA, sob a orientação científica da Drª Raquel Xavier.

Área Científica geral: Ciências Biológicas – Ciências do Mar

Área Científica específica: Evolução e Filogenia

Requisitos de admissão:
Pretende­se licenciado em Biologia ou cursos afins, com mestrado nas áreas de Ciências Biológicas, e com experiência na área definida pelo projecto. São ainda critérios de selecção:
-experiência de trabalho de campo: planeamento e logística, recolha de amostras, etc
-experiência em técnicas moleculares (design de primers, extracção de DNA, PCR, técnicas NGS);
-competências na utilização de ferramentas bioinformáticas para tratamento de dados NGS e análise filogenética;
-currículo cientifico na área.

Plano de trabalhos:
Se em mamíferos inúmeros estudos foram realizados para decifrar interações microbioma – resposta imune, em peixes estes estudos são raros. Ainda assim trabalhos pioneiros demonstraram que o stress causado por práticas de piscicultura pode induzir mudanças no microbioma da pele de peixe, com o aumento na predominância de bactérias patogénicas enquanto bactérias benéficas, com função de probiótica e/ou antimicrobiana diminuiem. Além disso, as alterações no microbioma têm sido associados com uma maior susceptibilidade a doenças já que as comunidades comensais previnem a colonização por bactérias patogénicas oportunistas. Por esta razão, a monitorização das alterações na composição no microbioma tem sido sugerida como uma ferramenta para prevenir doenças. Neste projecto vamos procurar caracterizar os microbiomas de robalo e dourada antes, durante e depois de infecções parasitárias. Para este fim vão ser utilizadas duas estratégias: a) uma baseada na amplificação e sequenciação de 16S rRNA das comunidades bacterianas e outra, b) baseada na expressão génica do hospedeiro e comunidades bacterianas.
O bolseiro ficará responsável pela extracção de DNA e RNA, amplificação de DNA e pela preparação de bibliotecas para sequenciação (HiSeq e MiSeq). Deverá ainda ter ou desenvolver conhecimentos bioinformáticos básicos que lhe permitam assistir no tratamento dos dados produzidos. O plano de trabalhos do bolseiro será conduzido no CIBIO (Campus de Vairão).

Legislação e regulamentação aplicável:
Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de Agosto, alterado e republicado pelo Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de Agosto, alterado ainda pelo Decreto-Lei n.º 233/2012, de 29 de Outubro, pela Lei n.º 12/2013, de 29 de Janeiro, e pelo Decreto-lei n.º 89/2013, de 9 de Julho; Regulamento de Bolsas e Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. (FCT), em vigor (www.fct.pt/apoios/bolsas/docs/RegulamentoBolsasFCT2015.pdf) e de acordo com os Estatutos de Bolsa do ICETA aprovados pela FCT.

Local de trabalho:
CIBIO­ Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto, Campus Agrário de Vairão, sob a orientação científica da Drª Raquel Xavier

Duração da bolsa:
A bolsa terá a duração de 12 meses, com início previsto em 15 de Setembro de 2016.

Valor do subsídio de manutenção mensal:
O montante da bolsa corresponde a 980 Euros, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas directamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores), sendo o respectivo pagamento efetuado mensalmente por transferência bancária.

Métodos de selecção:
A avaliação será baseada na qualidade do currículo académico, científico e na carta de motivação (70%) e na relevância da experiência prévia de trabalho (30%). Poderá ainda ser incluída uma fase de entrevistas.

Composição do Júri de Selecção:
O Júri será presidido por Raquel Xavier, investigador responsável do projecto e pelos vogais: D. J. Harris, Investigador Principal no CIBIO e Pilar Cabezas, Investigadora no CIBIO. Como suplente António Emilio Ferrand de Almeida Múrias dos Santos, Professor Assistente na FCUP. Os elementos do jurí D. J. Harris, Pilar Cabezas e António Santos não integram a equipa de investigação deste projecto.
 
Forma de publicitação/notificação dos resultados:
Os resultados da avaliação serão publicitados através de lista ordenada a afixar nas instalações do CIBIO, sendo o(a) candidato(a) aprovado(a) notificado(a) através de correio electrónico ou telefone. Os resultados do concurso serão comunicados aos restantes candidatos através de correio electrónico.

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas:
O período de aceitação de candidaturas é de 04/08/2016 a 18/08/2016. As candidaturas devem conter o Curriculum Vitae, carta de motivação, certificado de habilitações, nome e contacto de duas possíveis referências. As candidaturas devem ser enviadas por correio electrónico para bolsas.cibio@cibio.up.pt e para raq.xavier@gmail.com.

Produtos Sugeridos

Biologia Evolutiva

A Origem das Espécies

Matemática do Planeta Terra

Ambiente Inteiro

[Se desejar manter-se informado sobre as oportunidades de emprego que surgem diariamente na área do Ambiente e Gestão de Recursos Naturais, siga a página "NaturJobs" que a Naturlink criou no Facebook em http://facebook.com/NaturJobs]

Website Apps